Blog & Rock Rádio Lágrima Psicodélica
Criação & Direção de Johnny F
lagrimapsicodelica@gmail.com

ROCK RÁDIO LÁGRIMA PSICODÉLICA

sábado, 6 de janeiro de 2007

GANGgajang

Montagem, link: Lemmy
.

A banda GANGgajang foi formada em Sydney em 1984 por um grupo de músicos ecléticos dispostos a se divertir com a sua própria música.

O nome GANGgajang vem da idéia de um grupo de indivíduos criativos … “Gang”, e de um som tirado de um violão ou guitarra elétrica que quando arranhado produz um som amplificado … “gajang”.

No início Mark ‘Cal’ Callaghan, Graham ‘Buzz’ Bidstrup e Chris Bailey trabalhavam para ABC-TV. Lá eles escreviam diversas músicas para serem usadas na série televisiva “Sweet and Sour”. Algumas delas foram aproveitadas, outras deixadas de lado.

Foi então que Callaghan (que já tinha uma banda na época chamada “The Riptides”), mais Bidstrup (baterista da banda “The Angels”), juntamente com o colega de trabalho e baixista Chris Bailey, mais Kayellen Bee e Marilyn Delaney, decidiram que daria para montar uma banda aproveitando todas aquelas músicas não aproveitadas pelo seriado. Foi formado assim o GANGgajang, que gravou inicialmente “Gimme Some Loving” - como demo (demonstration tape).

A demo foi parar nas mãos da Mercury, que resolveu lançar “Gimme Some Loving”/“Noisy Talking” como single em novembro de 1984. O single ficou com a 33ª posição nas paradas de sucesso.

Com uma boa repercussão local, o GANGgajang voltou aos estúdios, desta vez com o produtor americano Joe Wissert (Lovin' Spoonful, The Turtles, Boz Scaggs) para gravar o que seria o primeiro álbum da banda.

O primeiro trabalhado foi um enorme sucesso. Lançado em 1985, “GANGgajang” vendeu 120 mil cópias. O álbum produziu os hits “Gimme Some Lovin”, “House of Cards”, “Giver of Life”, “The Bigger They Are” e o clássico “Sounds of Then (This is Australia)”. Algumas músicas deste álbum fizeram parte da trilha sonora do filme sobre surfe “Mad Wax”.

“Mad Wax” foi rodado para mostrar/divulgar o campeonato de surf Quiksilver. Hoje o filme é considerado ‘cult’ entre os surfistas. O filme ajudou o GANGgajang a se tornar conhecido em várias partes do mundo. A associação de surfistas (World Pro Surfers Association) nomeou o GANGgajang como a melhor banda do mundo por dois anos consecutivos.

Seguindo o lançamento do álbum “GANGgajang” vieram os singles: “House of Cards”/“From the Top to the Bottom” (março), “Giver of Life”/“Mysterious” (agosto), “Sounds of Then”/“House of Cards” (live) (dezembro) e “The Bigger They Are”/“Giver of Life” (live) (abril de 1986).

Ajudado pelos músicos Gordon Sullivan (guitarrista da banda Deckchairs Overboard), Kayellen Bee (vocals, percussion) e Marilyn Delaney (vocals, keyboards), o GANGgajang acabou excursionou durante dois anos para promover o trabalho. Mais tarde o guitarrista Robert James substituiu Gordon Sullivan, que retornou para a sua antiga banda.

O GANGgajang também contribuiu com a faixa “Dream at Night” para a trilha sonora do filme australiano “Emoh Ruo”. “Dream at Night” também foi lançado como single em outubro de 1985.

Já a música “Sounds of Then”, quando lançada, ficou apenas na 21ª posição nas paradas de sucesso. Dez anos mais tarde ela se tornou em um dos maiores clássicos australianos de todos os tempos, pois foi usada nas campanhas da Coca-Cola. Algum tempo depois a empresa de comunicação Nine Network se utilizou da mesma música para chamadas institucionais tanto em televisão como no rádio.

O próximo álbum da banda foi “gangAGAIN”, lançado pela Mercury/Polygram em 1987. Mais uma vez o álbum foi um sucesso. Produziu os hits “Tree of Love”, “Luck of the Irish” e “American Money”.

Depois do lançamento vieram os singles: “Initiation”/“Sounds of Then” (janeiro), “American Money”/“Roof Only Leaks When It's Raining” (agosto) e “Tree of Love”/“Luck of the Irish” (dezembro), todos lançados em 1987.

Quando tudo parecia estar indo bem, o vocalista e guitarrista Callaghan resolveu deixar o GANGgajang um pouco de lado. Com essa decisão os demais integrantes da banda também partiram para outros projetos paralelos.

Callaghan durante este período reviveu a sua antiga banda, The Riptides. Também produziu um álbum solo, “Sailors and Mermaids” e três singles: “I Will Be with You”/“Changing Times” (julho de 1988), “Do It Rite”/“Golden Years” (setembro) e “Golden Years”/“Spooky” (julho de 1989).

Já Graham Bidstrup produziu alguns álbuns e trilhas sonoras. Chris Bailey trabalhou com diversos artistas, entre eles Jimmy Barnes, Alannah Miles e Nathan Cavaleri. Geoffrey formou a banda The Dukes com Sean Kelly em 1990; e Rob escreveu um livro – “The Second Best Book of Disunderstandabilism”, e gravou algumas canções com Wendy Matthews.

Três anos depois – 1993, Bidstrup, Callaghan, Bailey, James e mais um novo tecladista, Mark O'Connor, deram vida ao GANGgajang para gravar o terceiro álbum, “Lingo”. Kayellen e Marylin não estavam mais com eles, pois seguiram carreiras de sucesso na indústria cinematográfica.

O álbum “Lingo” foi lançado em maio de 1994 e incluiu o sucessos “Hundreds of Languages”, “Talk to Me” e “Ordinary World”. Esta reunião durou por pouco tempo.

Em 1995 a PolyGram colocou no Mercado a coletânea “The Essential GANGgajang”. Este álbum contém todas as 10 faixas do primeiro trabalho da banda “GANGgajang”, 3 músicas de “gangAGAIN” e 4 faixas do terceiro álbum “Lingo”.

Para promover o álbum a banda seguiu para o Brasil pela primeira vez. Tocou para mais de 60 mil fãs da banda e excursionou por nove cidades brasileiras. De volta a Austrália eles tocaram por todo o país.

Em 2001, a banda novamente excursionou pelo Brasil.

Hoje o vocalista Mark Callaghan administra a Shock Music Publishing. O baterista Buzz Bidstrup é o manager do lendário músico australiano Jimmy Little - desde que o mesmo lançou o premiadíssimo álbum “The Messenger”, em 1999. Já Robert James segue com sua carreira solo – tendo lançado desde então “Suzannah Suite”. O tecladista e artista Geoffrey Stapleton vive hoje em Adelaide, e também desenvolve e mantém o site oficial da banda. Chris Bailey trabalha em Sydney com diversas culturas musicais, além de tocar na banda de Jimmy Little.

Apesar de que cada antigo membro do GANGgajang desenvolve outras atividades, ainda é uma constante os diversos pedidos para que a banda se apresente. Todas as vezes que isto acontece, é mais uma prova de que mesmo depois de 16 anos de apresentações os caras ainda o fazem de forma brilhante, e sempre com a idéia de “talvez esta seja a última, então vamos fazer bem”.

(Fonte: www.informationbrazil.com.au)

The Essential (1996)

Download (senha: lagrimapsicodelica)


Nenhum comentário:

LinkWithin